Um aparelho auditivo é mais discreto que sua perda auditiva

A tecnologia tornou o aparelho auditivo mais discreto do que pedir a outra pessoa para repetir o que perguntou

Já se passaram os dias em que o aparelho auditivo era grande e com aquela aparência feia e qualidade ruim. Assim como os computadores e celulares evoluíram, os aparelhos auditivos se tornaram muito menores e mais eficientes. As pessoas são surpreendidas ao descobrir o quanto a tecnologia avançou, por exemplo, em termos de soluções personalizadas e compreensão da fala.

A tecnologia e o design modernos tornam o aparelho auditivo mais discreto do que ter que pedir a outra pessoa para repetir o que perguntou, ignorá-la acidentalmente ou até mesmo dar uma resposta errada.

A perda auditiva quando não tratada tem muitas consequências

Viver com perda auditiva não tratada significa dificuldades no ambiente social, perda de performance no trabalho, bem como um obstáculo para aproveitar os programas de lazer. Desta forma você se permite viver sem um dos cinco sentidos. Às vezes, algumas atividades tornam-se impraticáveis e muitos preferem ficar em casa e evitar estas situações que exigem atenção e o convívio social.

Também é muito desgastante lidar com a perda auditiva, pois você precisa se concentrar muito mais.

Não existem razões para esperar

A maioria das pessoas demora de 5 a 7 anos para aceitar a perda auditiva. Mas esta é uma má decisão. Adiar o inevitável só vai tornar mais difícil a correção do problema. Seu cérebro se acostuma a não ouvir sons do cotidiano e quanto mais você vive se eles, mais difícil fica para seu cérebro compreendê-los novamente. O uso do aparelho auditivo pode evitar a deterioração da capacidade do cérebro para interpretar sons. 

Você ouve os sons a sua voltaComo descobrir?

Como a perda de audição da maioria das pessoas se desenvolve gradualmente, nem sempre é fácil de reconhecer a extensão do problema. Se você tiver dificuldade para ouvir algo, talvez você não tenha uma experiência completa de vida. Um simples teste de audição pode determinar se você tem perda auditiva.

Você faz teste de visão uma vez ou outra, então porque não verificar sua audição também? Recomendamos uma triagem auditiva de rotina a cada três anos, até os 50 anos.

O que devo fazer?

O primeiro passo é consultar um profissional da área de saúde, especializado em audição para um teste. Dependendo do seu resultado e da natureza da sua perda auditiva, você será encaminhado para um médico otorrinolaringologista para um exame mais detalhado, ou você vai ser aconselhado sobre o melhor aparelho auditivo para sua necessidade. Uma barreira para muitos é o pensamento de que é complicado adquirir um aparelho auditivo, mas não se preocupe – há muitos profissionais que trabalham para melhorar a vida das pessoas com perda auditiva.

Quem é quem…

Otorrinolaringologista: médico especializado em diagnóstico e tratamento de uma variedade de doenças de ouvido, nariz e garganta.

Fonoaudiólogo: profissional da saúde licenciado e treinado para avaliar a perda auditiva e distúrbios relacionados à audição, incluindo zumbido. Ele também adapta e ajusta os aparelhos auditivos.

Distribuidor / Revendedor de aparelhos auditivos: vendedor certificado, licenciado e treinado.

4 Comments to “Um aparelho auditivo é mais discreto que sua perda auditiva”

  1. Cristiane Fernandes disse:

    Sou deficiente auditivo e gostaria de saber o preço do aparelho auditivo ITE,pois na minha cidade estava muito caro. tenho perda nos dois ouvidos.

  2. Cristiane Fernandes disse:

    O nome do aparelho correto é BTE. Por favor me diga mais ou menos o valores.

  3. Denivaldo Souza dos Santos disse:

    Tenho uma perca auditiva com mais de 80% em decorrencia de uma cirurgia de colesteatoma. Preciso saber o preço de um aparelho moderno e bem discreto.

    Saudações,

    Denivaldo Souza Dos Santos

  4. audioclean disse:

    Bom Dia Denivaldo
    Enviamos um e-mail com os preços. Qualquer duvida estamos a disposição.

Deixe um Comentário

Mensagem